Mas uma vez me senti…

Mas uma vez me senti…

Mais uma vez me senti “mãe” após 4 noites sem dormir com o filho com febre. E aí mais uma vez me lembrei das frases e queixas que escuto em meus atendimentos: ” a febre não baixa nem com antitérmico”, “e quando cede, ela volta em menos de 4 horas”, “passei a noite toda acordada […]

leia mais!